Nintendo não tem interesse no 4K. Por enquanto.

Compartilhe:

A Nintendo prefere uma abordagem mais popular ao ainda restrito 4K.

Reggie Fils-Aimé, presidente da Nintendo of America, disse em entrevista ao TheVerge que atualmente a resolução 4K não é interessante para a companhia.

O executivo explicou a posição da empresa dizendo que o objetivo da Nintendo é chegar ao maior número de pessoas possível, tendo eles engajados e se divertindo com seus produtos e se eles se focassem no 4K, isso iria limitar muito o seu público.

Foto: Neilson Barnard/Getty Images para Nintendo of America

A missão da Nintendo é alcançar o maior número de consumidores possível e fazer com que eles se envolvam e se divirtam com a nossa [propriedade intelectual]. Isso é o que nós tentamos e fazemos. Por isso, de forma intrínseca, nos focamos em uma audiência mais popular. Inerentemente, queremos que nossos produtos sejam acessíveis. Queremos que nossos produtos sejam fáceis de ter e experimentar, tendo uma baixa curva de aprendizado. Queremos que o nossa [propriedade intelectual] brilhe ao entregar essas experiências.

Esclareceu Reggie, complementando em seguida:
É assim que nos aproximamos disso. E assim, o que isso significa é que temos um bom preço de U$300 para o Nintendo Switch, uma plataforma que tem Mario, Zelda e Splatoon. Indo contra uma pool de consumidores mais limitada, com preços mais altos, exigindo investimentos de outras maneiras - adquirindo uma TVs 4K - essa é uma estratégia que, para nós, é um pouco limitada demais.

A Nintendo parece determinada a recuperar a fatia de consumidores que perdeu no Wii U, e a postura da empresa quanto ao 4K faz sentido. TVs com essa resolução ainda são muito caras e inacessíveis à maioria da população, mesmo nos Estados Unidos. Entretanto, quando a tecnologia se popularizar, não temos dúvidas de que a empresa investirá em consoles que possam executá-lo. Na próxima geração quem sabe...